Fátima diz que Temer transforma Presidência em balcão de negócios

A senadora Fátima Bezerra se disse indignada com as iniciativas do presidente da República, Michel Temer, para se “salvar” da denúncia apresentada pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot. A Câmara analisa esta semana o pedido de autorização para Temer ser investigado pelo crime de corrupção passiva, em razão das denúncias decorrentes da delação de Joesley Batista, do grupo J&F.

“Temer tem transformado o Palácio do Planalto e o Jaburu em um balcão de negócios; são negociatas atrás de negociatas, usando de forma espúria e seletiva o Orçamento público. Ou seja: comprando os votos dos deputados em troca de liberação de emendas, cargos e favores. Apenas em junho, segundo a ONG Contas Abertas, foram liberados mais de R$ 2 bilhões em emendas”, disse.

Para Fátima, com o arquivamento ou não da denúncia, a oposição vai continuar na luta. “Temos clareza que só com muita mobilização, com jornadas e mais jornadas de lutas e de mobilização é que nós vamos conseguir interditar esse Governo ilegítimo que aí está e que vem infelicitando tanto o povo brasileiro”, salientou.

Cortes

Fátima lembrou que os recentes cortes orçamentários divulgados pelo governo vão prejudicar fortemente o andamento das obras do Programa de Aceleração do Crescimento – PAC. Ela citou o exemplo do Rio Grande do Norte, onde mais de 800 obras estão em risco, todas essenciais para a população, como a duplicação da Reta Tabajara, a finalização da barragem de Oiticica e a continuidade do programa Água para todos, que vai levar segurança hídrica para cerca de 4.500 famílias. “Enquanto falta dinheiro para garantir o funcionamento das universidades, para garantir os investimentos no PAC, para fazer com que o Brasil não desça ladeira abaixo para voltar ao chamado Mapa da Fome, o governo tem escancarado os cofres públicos para comprar o voto dos Parlamentares a fim de salvar o próprio pescoço”, criticou.

No campo da educação, Fátima informou que os cortes ameaçam o funcionamento da maioria das universidades públicas. “Está faltando dinheiro para pagar luz, para pagar água, sem contar a questão dos investimentos, que já existem no contexto das universidades públicas do nosso País”, afirmou.

Fátima destacou que, quando apresentou a PEC dos Gastos, o governo justificou a medida dizendo que evitaria o aumento de impostos. “Agora eles anunciam aumento de impostos logo na gasolina, ignorando os impactos que isso têm no frete, no preço dos alimentos etc”, lamentou.

Foto: divulgação

Leia Mais

banner-pizza

Secretária Cláudia Santa Rosa integra rede Talentos da Educação da Fundação Lemann

Todos os anos a Fundação Lemann reúne os principais educadores do país para apoiar suas ideias e seu comprometimento com a educação básica pública. Trata-se do programa Talentos da Educação, que tem como proposta identificar lideranças que realizam importantes ações na área do ensino e proporcionar ampliação do impacto dessas ações. Depois de criterioso processo de seleção, conduzido pela fundação, a secretária de Educação, professora Cláudia Santa Rosa chegou ao final e passa a integrar o seleto grupo da edição 2017 da rede Talentos da Educação.

A titular da Secretaria de Estado da Educação mostrou-se agradecida pela conquista. “Sinto-me muito honrada, pelo meu nome ter sido analisado entre centenas de excelentes profissionais. Acredito que seja um reconhecimento a toda uma trajetória dedicada à educação e ao momento atual, no qual estamos realizando um trabalho na Secretaria de Educação que tem como foco qualificar os resultados de aprendizagens com ações em escala para fortalecer a escola”, declarou Cláudia Santa Rosa.

As pessoas selecionadas, em especial durante o primeiro ano no programa, participam de encontros com os demais integrantes da rede e participam de diferentes atividades, como seminários e eventos da Fundação Lemann. A ideia é aperfeiçoar as habilidades de liderança e debater os desafios técnicos e políticos envolvidos em reformas educacionais. A professora Santa Rosa participa de encontro da rede entre a quinta-feira e domingo desta semana.

Ao longo dos anos seguintes, os participantes do programa continuam a interagir em rede e recebem apoio e formação customizada em temas específicos, com a finalidade de desenvolver ou aprimorar novas ideias e soluções para a melhoria da qualidade da educação brasileira.

“A Fundação Lemann enxergou que posso contribuir com as discussões da rede de Talentos da Educação e estou muito entusiasmada com a possibilidade de conhecer novas técnicas, abordagens e conhecimentos de outras experiências educacionais e levá-las para a Rede Estadual de Educação do RN”, encerrou a professora Cláudia Santa Rosa.

Leia Mais

banner-pizza

Assembleia instala Frente Parlamentar da Mulher

Crédito da Foto: Ney Douglas
A tarde desta terça-feira (1º) foi um marco para a defesa pelos direitos das mulheres do Rio Grande do Norte. Por iniciativa da deputada Cristiane Dantas (PCdoB), foi instalada a Frente Parlamentar da Mulher na Assembleia Legislativa, em cerimônia que contou com representantes de diversas áreas e que têm atuação em defesa dos direitos das mulheres. O objetivo é atuar constantemente em ações que proporcionem igualdade às potiguares.

“Muitas são as vulnerabilidades, tropeços e barreiras que nos trouxeram até aqui e que impulsionam a criação da Frente Parlamentar da Mulher na Assembleia Legislativa, de mãos dadas com representantes de órgãos, entidades e movimentos sociais. Frente Parlamentar que é um instrumento legítimo para uma luta legítima de todas as mulheres, não somente do Rio Grande do Norte, mas de todo Brasil. Também é motivo de muito orgulho para mim ter tido a iniciativa de criar a Frente Parlamentar da Mulher nesta Casa, causa que dedico atenção especial desde o início do meu mandato”, disse Cristiane Dantas.

Durante a cerimônia, os participantes ressaltaram a necessidade de se incentivar a luta pela defesa dos direitos da mulheres, que são maioria na sociedade, mas ainda amargam desvalorização profissional e, em vários casos, violência dentro de suas casas. Para Cristiane Dantas, é preciso sempre se renovar o espírito de luta.

“A desigualdade que enfrentamos não é apenas econômica, mensurada pela distribuição de renda, mas também é social e política e tem dimensão de gênero, simplesmente por sermos mulheres. Desigualdades que felizmente estão paulatinamente sendo minimizadas. Mas é preciso sempre renovar o espírito de luta para manter os direitos já conquistados e alcançarmos o propósito que defendemos: igualdade de direitos, respeito e dignidade”, disse Cristiane Dantas.

Também presente à audiência, a deputada Márcia Maia (PSDB), que faz parte da Frente Parlamentar, enalteceu a necessidade de ações por parte do Poder Legislativo para assistir e garantir os direitos das mulheres. A deputada comemorou a promulgação de uma lei de sua autoria, que determina a garantia de 5% das vagas da mão de obra terceirizada do estado às mulheres vítimas de violência. No entendimento de Márcia Maia, a proposta é uma forma de garantir os direitos dessas pessoas.

“Está em vigor (a lei), mas precisa ser regulamentada e posta em vigor. Elaboramos (a norma) com a preocupação de dar o empoderamento à mulher e que a proposta seja emancipatória, para que a mulher vítima de violência saia da dependência econômica, principalmente do agressor. Não vou sossegar enquanto essa lei não for posta em prática”, garantiu Márcia Maia.

A Frente conta com o apoio de órgãos como a Defensoria Pública, Tribunal de Justiça, Ministério Público, Secretaria de Políticas para as Mulheres do RN, Secretaria Estadual de Educação, Secretaria Estadual de Segurança Pública, Secretaria Estadual de Trabalho, Habitação e Assistência Social, além de instituições de ensino superior e movimentos sociais.

O lançamento da Frente Parlamentar da Mulher faz parte da programação do “Agosto Lilás”, mês de proteção à Mulher, através da Lei Nº 10.066/2016, de autoria da deputada Cristiane.

Leia Mais

banner-pizza

Walter Alves assegura recursos para realização da Feira de Cultura de Patu

 

O deputado federal Walter Alves, assegurou junto ao Ministério do Turismo, recursos no valor de R$ 150 mil para a realização da 34ª edição da Feira da Cultura de Patu, o maior evento sociocultural de toda a região Oeste.

O prefeito Rivelino Câmara, recebeu a confirmação do próprio deputado em reunião realizada na tarde desta terça-feira (01), em Natal, onde também esteve com o deputado estadual Raimundo Fernandes, em busca de mais recursos para o município. “Com a garantia deste importante apoio que é disponibilizado para o turismo, iremos economizar recursos próprios que serão destinados para outras áreas”, disse.

Vale lembrar que as atrações da 34ª Feira da Cultura de Patu, serão divulgadas pelo prefeito no próximo sábado (05) em uma edição especial do “Programa Rivelino Sábado Show”, na FM Educadora Patuense, a partir das 09h.

Fotos: Bruno Campelo

Leia Mais

banner-pizza

Governador e ministro acertam detalhes de missão diplomática para canonização dos mártires

Mártires de Cunhaú e Uruaçu serão declarados santos pelo Vaticano no dia 15 de outubro. Reconhecimento da Igreja transformará o RN em centro de peregrinação mundial.

 

Os mártires de Cunhaú e Uruaçu, vítimas de massacres ocorridos em julho e outubro de 1645 nos municípios de Canguaretama e São Gonçalo do Amarante, serão canonizados em outubro deste ano. Consciente da importância que este reconhecimento da Igreja Católica terá para o turismo religioso de nosso estado, o governador Robinson Faria foi até o ministro das Relações Exteriores, Aluysio Nunes Ferreira Filho, acertar os detalhes da missão diplomática para acompanhar a solenidade em Roma.

 

 O encontro, do qual também participaram o padre Antônio Murilo de Paiva, capelão em Uruaçu, e o secretário de Gestão de Projetos, Vagner Araújo, aconteceu no gabinete do ministro, em Brasília, na noite desta terça-feira (1º).  

 

A canonização dos 30 Mártires de Cunhaú e Uruaçu representa o coroamento de um longo processo histórico, religioso e cultural que teve início na década de 1970. A autorização para o ato de santificação dos mártires do RN foi confirmada em março deste ano pelo Papa Francisco.

 

“Este Advento dos mártires, além de muito importante do ponto de vista histórico e religioso, vai representar um salto de desenvolvimento no Turismo. O Rio Grande do Norte vai se converter em um grande centro de peregrinação, com movimentação de fieis do Brasil e do mundo inteiro”, assinalou Robinson Faria.   

 

 Com a canonização dos mártires, o Governo espera fortalecer a atividade turística em Canguaretama e em São Gonçalo, a exemplo do que aconteceu em Santa Cruz. O município localizado a 120 quilômetros de Natal recebe diariamente romeiros, excursionistas e turistas que desejam conhecer a estátua de Santa Rita de Cássia no alto de um morro, a maior imagem católica do mundo. A prefeitura já contabiliza, em média, mil visitas por dia e os registros ultrapassam 350 mil por ano.

 

“O turismo religioso altera a rotina e a economia da cidade. De ponto de passagem, Santa Cruz virou importante destino turístico. E para que isso aconteça de forma ordenada em Cunhau e Uruaçu, iremos investir na infraestrutura da região”, acrescentou o chefe do Executivo estadual.

 

HISTÓRIA 

Os mártires potiguares foram vitimas de dois morticínios, ambos no ano de 1645, no contexto das invasões holandesas no Brasil. O primeiro na Capela de Nossa Senhora das Candeias, no Engenho de Cunhaú, município de Canguaretama; outro em Uruaçu, comunidade do município de São Gonçalo do Amarante. Todos foram brutalmente assassinados por ódio à Igreja Católica. Entre eles, estavam os padres André de Soveral e Ambrósio Francisco Ferro, além do camponês Mateus Moreira, que teve o coração arrancado.

 

O Papa João Paulo II beatificou os mártires em 5 de março de 2000, na presença de cerca de mil brasileiros na praça de São Pedro, Eles são sempre lembrados em duas datas, no dia 16 de julho, em Canguaretama, e dia 3 de outubro, em São Gonçalo do Amarante. Esta última data é reconhecida pela legislação estadual como feriado. 

Fotos: assessoria

 

 

Leia Mais

banner-pizza