Ezequiel recebe servidores

2e1910e2-bee9-4e7a-a03a-79751651ba86
96e778bf-c997-4802-896c-48bb637aa528
Crédito da Foto: João Gilberto
O atraso no pagamento dos salários e falta de acompanhamento dos gastos do Governo do RN, foram os principais pontos abordados pelo Fórum de Servidores do Estado, que foram recebidos nesta quarta-feira (19) pelo presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ezequiel Ferreira de Souza (PSDB). Os servidores pediram a intermediação da Casa, no diálogo com o Executivo para encontrar uma solução para as pautas das categorias.

“Esta Casa Legislativa tem acompanhado o clamor dos servidores e tudo o que for possível fazer para se buscar alternativas nós faremos, contando com o apoio dos 24 deputados. Estamos prontos para pensar, dialogar e até sugerir soluções, mas não podemos interferir em outro Poder”, afirmou o deputado Ezequiel Ferreira garantido que o legislativo fará o papel de mediador entre o governo do RN e o Fórum dos Servidores buscando a definição das demandas.

Os servidores disseram que há 16 meses estão recebendo os salários com atraso. O do mês de março, por exemplo, só terá o pagamento  complementado  em maio. “Ninguém aguenta mais essa situação. Não sabemos se o Governo prioriza o fluxo de caixa para o pagamento do pessoal. Por isso queremos democratizar essa discussão”, destacaram os representantes do Fórum.

O presidente da Comissão de Finanças e Fiscalização, deputado George Soares (PR) vai marcar uma audiência pública para o próximo dia 4 de maio, com a presença dos secretários de Planejamento e Finanças; de Tributação e da Controladoria Geral do Estado, para a discussão do problema.

“A Comissão de Finanças e Fiscalização vai coordenar essa reunião com a participação do Fórum dos Servidores e com todas as entidades interessadas no assunto. Precisamos acompanhar a execução orçamentária pelo Executivo, que é uma função desta Comissão”, afirmou o deputado.

Participaram da reunião os deputados Alberto Dickson (PROS), Larissa Rosado (PSB), Getúlio Rêgo (DEM), George Soares, Carlos Augusto (PSD), Fernando Mineiro (PT) e Dison Lisboa (PSD). Todos eles manifestaram apoio ao Fórum dos Servidores na busca para a solução dos temas discutidos.

O Fórum dos Servidores estava representado por Fernando Freitas Presidente do Sindicato dos Auditores Fiscais (Sindifern);  Janeayres Souto, presidente do Sindicato dos Servidores da Administração Direta (SINSP); delegada Paola Maués da ADEPOL; Coronel Eliabe, da Associação dos Policiais e Bombeiros Militares; Vilma Batias, do Sindicato dos Agentes Penitenciários; Nivaldo Brum da Associação dos Procuradores do Estado.

Leia Mais

Sandro Pimentel promove debate sobre crise do sistema carcerário na CMN

 
O mandato do vereador Sandro Pimentel (PSOL) promove hoje, 20, a partir das 9h, na Câmara Municipal de Natal, uma audiência pública para debater a “crise no sistema carcerário e a segurança pública: balanços e perspectivas”. O debate  contará com a presença de representantes do Governo do Estado, Ministério Público, Observatório da População Infantojuvenil em Contextos de Violência (OBIJUV),  Observatório da Violência Letal Intencional (OBVIO), Pastoral Carcerária e Motyrum Penitenciário.
No início do ano, pelo menos 26 pessoas foram mortas dentro do Presídio de Alcaçuz, expondo para o Brasil e para o mundo as condições precárias das cadeias do estado e a falta de informações sobre a população carcerária. Localizada no município de Nísia Floresta, a 25 km de Natal, a penitenciária é a maior do Estado e abriga 828 presos, mas tem capacidade apenas para 620, segundo dados oficiais.
A falência do sistema carcerário no Rio Grande do Norte também fortalece o domínio e a organização de facções que promovem atos criminosos dentro e fora dos presídios.O espaço aberto na Câmara Municipal de Natal quer ampliar o debate sobre segurança pública no Rio Grande do Norte e também cobrar soluções para a crise estrutural do sistema penitenciário.

Leia Mais