Medidas com FGTS vão injetar R$ 48,2 bilhões ma economia

Com a injeção de R$ 48,2 bilhões na economia, as medidas de incentivo com o uso do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) devem causar um impacto positivo de cerca de 0,7 ponto percentual no Produto Interno Bruto (PIB) de 2017. A estimativa foi divulgada pela Secretaria de Planejamento e Assuntos Econômicos (Seplan) do Ministério do Planejamento. Segundo os dados da Seplan, a medida de maior impacto é o saque de contas inativas do FGTS, que injetará R$ 34,5 bilhões na economia brasileira e terá um efeito no PIB de 0,48 ponto percentual. Os saques já estão liberados desde a última sexta-feira (10) e seguem um cronograma que vai até 31 de junho.

Leia Mais

Em Patu, prefeito retoma grandes obras, apesar da crise

Contrariando todas as perspectivas da crise que assola não só o nosso município mas, todas as cidades de pequeno e médio porte, o prefeito Rivelino Câmara, retomou as obras de recuperação do Módulo poliesportivo Miguel Câmara Rocha, principal espaço público para a prática de esportes em Patu.
As obras estavam paralisadas justamente por falta de recursos, porém, Rivelino buscou meios para que os desportistas voltem a fazer uso deste tão importante espaço.
Para o prefeito, esta é uma obra de grande importância para Patu como um todo, pois o Módulo atende a demanda de todos os desportistas locais e também das escolas que realizam diversas atividades no local. “Ao assumir a administração municipal em janeiro, falei da minha imensa preocupação com o esporte patuense e assumi o compromisso de recuperar toda a estrutura do Módulo,  e hoje estou reafirmando este compromisso, e já no dia 15 de abril, se Deus permitir, iremos entregar a parte estrutural pronta para que os desportistas possam voltar a utilizar este espaço de maneira satisfatória”, disse.
Rivelino lembrou ainda que a quadra que fica no Conjunto Nova Patu, também está passando por melhorias e que muito ainda será feito para que o desportista patuense possa dispor de condições para a prática  de esportes.“Estamos trabalhando para que todas as modalidades esportivas, possam ter espaço e apoio garantidos por parte do poder público. Hoje Patu conta com grandes jogadores de futebol, artes marciais, ciclistas e atletas que terão nas nossas ações, a certeza de que daremos o suporte e apoio necessários”, disse.
O Módulo será entregue durante as festividades tradicionais da festa de “malhação de Judas”. Outras ações também serão desenvolvidas no mesmo dia, inclusive a entrega de mais obras.
Os Secretários de Infraestrutura e Serviços Urbanos, Hélio Azevedo, e o de Turismo, Esporte e Eventos, Kleriston Dantas, acompanharam o prefeito.

Leia Mais

Vereadores e MP debatem redução dos auxiliares de sala nas escolas do município

thumbnail_Comissão Saúde - Foto ELPÍDIO JÚNIOR (2)
 
A Comissão de Educação da Câmara de Natal repercutiu, nesta segunda-feira (13), a reunião realizada com a promotora de Educação Zenilde Alves sobre a diminuição do número de educadores assistentes e auxiliares de sala nas escolas da rede municipal de ensino da Capital. O encontro aconteceu na última terça-feira (07) e contou com a presença da vereadora Eleika Bezerra (PSL) e do vereador Dinarte Torres (PMB), além de educadores infantis, gestores dos Centros de Educação Infantil (CMEI’s) e responsáveis pelas crianças matriculadas nestas instituições.
De acordo com a vereadora Eleika Bezerra, a retirada dos auxiliares de sala, por meio da Secretaria Municipal de Educação (SME), sob a justificativa de contenção de gastos, gerou diversos transtornos, que impedem um atendimento de qualidade para as crianças. “Os professores precisam de auxílio para atender à elevada demanda de alunos na educação infantil do município que, aliás, carece de vagas para todas as crianças”, defendeu a presidente da Comissão de Educação, com a anuência da vereadora Nina Souza (PEN) e do vereador Sandro Pimentel (PSOL).
Segundo ela, a promotora Zenilde Alves observou que os auxiliares trabalham como estagiários, haja vista que não existe na estrutura da SME o cargo público destes profissionais e sugeriu ao Conselho Municipal de Educação uma nova resolução, para atualizar as balizas da educação infantil e observar os parâmetros mínimos do Conselho Nacional de Educação no que tange à organização das salas de aula.
“Então, diante da problemática vivenciada diariamente pelos educadores, crianças e seus pais, no âmbito dos CMEI’s, se faz urgente e necessária a tomada de providências quanto ao assunto, sendo imprescindível a contratação de estagiários/auxiliares para que haja um digno atendimento às crianças da rede municipal de ensino. A avaliação que faço do encontro é positiva porque o Ministério Público vai nos ajudar a mediar o impasse”, concluiu Eleika.
Por fim, um Projeto de Lei apresentado pela vereadora Júlia Arruda (PDT) que trata da garantia de vagas nas escolas para alunos filhos de mulheres vítimas de violência doméstica ou que tenham mudado de endereço. A matéria foi encaminhada para a relatoria da vereadora Nina Souza.
 

Leia Mais