Parque da Cidade está no grupo das Unidades de Conservação mais visitadas do país

Foto: Assessoria
Foto: Assessoria

Tomando por base um estudo de visitação feita pelo Instituto Semeia, uma ONG que estuda a Situação do Uso Público nas Unidades de Conservação (SUPUC´s), que mapeia e analisa os modelos de Unidades de Conservação (categoria parques) disponíveis no Brasil, o Parque da Cidade Dom Nivaldo Monte está classificado no segundo grupo das Unidades de Conservação mais visitadas do país.

O Parque da Cidade recebeu, nos meses de janeiro e fevereiro, 30.658 visitantes, uma média diária de 519,6 pessoas. Com esses números, a equipe técnica do PCDNM fez uma projeção anual de visitantes e chegou à expectativa de 189.663 visitantes este ano. Com isso, de acordo com os estudos do Instituto Semeia, o PCDNM fica inserido na segunda categoria de maior visitação dos Parques Nacionais, que recebe entre 150 a 300 mil visitas/ano, representando 6% das unidades de conservação brasileiras (categoria parques), no qual o PCDNM está inserido.

Pela classificação do Instituto Semeia são cinco faixas de visitação das UC´s, categoria parque. A primeira engloba as UC´s que recebem acima de 300 visitas/ano; a segunda, de 150 a 300 mil visitas (na qual o PCDNM está inserido); terceira de 50 a 150 mil visitas; quarta, que recebeu abaixo de 50 mil visitas e a última, que não houve visitação.

“Esse aumento no número de visitantes, mostra o interesse das pessoas em visitar as Unidades de Conservação para o lazer, prática de exercícios e estudos de campo e pesquisas científicas. Pelo trabalho que a equipe do Parque da Cidade Dom Nivaldo Monte vem desenvolvendo e a divulgação positiva que tem sido feita pelos próprios visitantes, o nosso parque estará dentro da primeira categoria em breve.”, comemora o administrador do Parque da Cidade, Carlos da Hora.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *