Dilma diz que o Brasil “nunca mais” terá uma ditadura

Informações: 24/7
Informações: 24/7

Um dia após os protestos realizados em diversas capitais do País contra o governo federal, a presidente Dilma Rousseff afirmou, em pronunciamento, a liberdade das manifestações e disse que “valeu lutar pela liberdade” e contra a ditadura militar.

“Presto homenagem a todos os que lutaram contra o regime de exceção e pela democracia e pelo restabelecimento pelas liberdades democráticas”, afirmou. Ela acrescentou que teve a “honra de participar da resistência à ditadura”. Segundo Dilma, “nunca mais no Brasil vamos ver pessoas que, ao manifestarem sua opinião, seja contra até a presidenta, possam sofrer consequências”.

“Presidente de todos os brasileiros”

Dilma assegurou que governará o País para os 203 milhões de brasileiros, tenham ou não votado no PT, participado ou não das manifestações de ontem.

Ajustes econômicos

Dilma também defendeu os ajustes econômicos, que assegurou, “serão usados em defesa de todos”. “Vamos fazer os ajustes necessários, dialogando com todos. Uma posição de humildade, mas com firmeza”, acrescentou. Ela também destacou as ações do governo para minimizar os efeitos da crise econômica, como desemprego e redução de direitos e da renda, e ressaltou que, enquanto no exterior havia 60 milhões de desempregados, no Brasil criava-se empregos.

Manifestações

“Eu não quero consenso, eu acho que tem que se aceitar que as vozes são diferentes, num país complexo como esse. É da democracia não haver concordância e unanimidade. É uma temeridade acreditar que alguém ganhará com isso, é uma ausência de lucidez política”

Diálogo

“Tem uma certa volúpia da imprensa em querer uma situação confessional. A atitude de humildade é a seguinte: você só pode abrir diálogo com quem quer abrir diálogo. Eu procurarei ter diálogo seja com quem for. Agora eu não estou aqui fazendo nenhuma confissão, é uma entrevista. Se alguém achar que eu não fui humilde em algum diálogo, me diz qual, onde, quem sabe eu não fui mesmo, aí eu vou avaliar”.

Corrupção

“A corrupção não nasceu hoje. Ela não só é uma senhora, não nasceu hoje, como não poupa ninguém. Pode estar em tudo quanto é área, inclusive no setor privado. O combate à corrupção começa também através da educação, da valorização do trabalho. Mas uma pessoa não pode também cometer pequenas infrações que cria um clima de permissividade”.

Leia Mais

Hermano acompanha vereadores ao Comando da Polícia Militar do RN contra as problemáticas de segurança no estado

Foto: Assessoria
Foto: Assessoria

 

Coincidência ou não, durante a tarde antes das rebeliões nos presídios do Rio Grande do Norte e dos ataques com fogo a ônibus e assaltos em Natal, o deputado estadual Hermano Morais (PMDB) esteve na sede do Comando da Polícia Militar reivindicando providências aos requerimentos enviados nos últimos dias junto ao coronel Ângelo Dantas.

Os vereadores de Bento Fernandes, Marcos Câmara e César Macêdo em nome da população daquele município que vive em crescente convivência com o tráfico de drogas buscaram aumento de efetivo policial e melhoria da estrutura do prédio onde os policiais estão instalados lá. O vereador Marcos Câmara falou que hoje existem apenas dois policias, quando na década de 1980 existia cinco, com uma população três vezes menos que a atual.

Quem também esteve presente foi a assessor de gabinete da prefeitura de Jardim de Angicos, Pedro Neto (Pedrão), que vem buscando uma nova viatura para a polícia do município, uma vez que o veículo usado lá é alugado e antigo.

Além dos municípios, Hermano tinha em mãos os requerimentos para ampliação de efetivo policial de São Gonçalo do Amarante, Lajes e a comunidade de Traíras, em Macaíba.

Leia Mais

Assembleia debate criação da Rede Estadual de Enfrentamento ao Crack e outras drogas‏

Foto: Assessoria
Foto: Assessoria

A Assembleia Legislativa debateu na manhã desta segunda-feira (16) a problemática das drogas no Rio Grande do Norte e a criação da Rede Estadual de Enfrentamento ao Crack e outras drogas através de projeto de lei apresentado pelo deputado Jacó Jácome (PMN).

Os números apresentados pelo parlamentar apontam para um crescente aumento do consumo de drogas no país. Um total estimado de 1,2% da população do Brasil é usuária de crack, o equivalente a 2,3 milhões de brasileiros.

“O plano nacional já é uma realidade e norteia varias ações em todo Brasil. Por isso queremos trazer o debate à tona no RN também. Como parlamentar eu poderia dar entrada no projeto aqui na Assembleia Legislativa, mas não teria sentido a construção desse plano se não chamasse vocês para a discussão, seria um plano que não ia contemplar a realidade que existe nos bairros e periferias. Nosso objetivo é ter o máximo de contribuição externa”, disse Jacó Jácome.

Leia Mais

Copa Natal de Vôlei registra participação de 102 duplas‏

Foto: Assessoria
Foto: Assessoria

O vôlei de praia tomou conta da Arena do Conjunto Pirangi no último final de semana. Isso porque, o local foi palco da primeira etapa do Circuito Estadual da modalidade, promovido pela Prefeitura do Natal, através da Secretaria Municipal de Esporte e Lazer (SEL), em parceria com a Federação Norte-rio-grandense de Vôlei (FNV) e com a Faculdade Maurício de Nassau.

A Copa Natal de Vôlei contou com a participação de 102 duplas distribuídas nas categorias masculino e feminino sub-13, sub-15, sub-18 e sub-19 e adulto feminino. As disputas ocorreram no sábado (14) e domingo (15). “O evento foi um sucesso e mostra o quanto foi importante estabelecer um calendário esportivo que incluísse várias modalidades, entre elas o vôlei de praia”, comenta o secretário Eduardo Machado.

As duplas classificadas nos três primeiros lugares nas categorias menores e na categoria adulta feminina receberam premiação em dinheiro e medalhas, além de acumularem pontos no ranking do Circuito Estadual. A próxima etapa acontece no mês de maio.

Leia Mais

Fátima e Robinson discutem andamento de obras com superintendente do DNIT

B__Ay1yWAAA8yDx
Foto: Assessoria

Em audiência realizada na sexta-feira (13), na Governadora, a senadora Fátima Bezerra (PT/RN) e o governador Robinson assistiram apresentação do superintendente do DNIT, Walter Fernandes, do andamento das principais ações, obras imediatas e licenciamento ambiental em curso no RN, cujo recursos são do Governo Federal.

As obras remanescentes e complementares da BR-101, que vai de Natal a Parnamirim, deverão ser iniciadas em maio e contará com a construção de seis viadutos, passagem inferior de veículos, cinco passarelas, drenagem e implantação e ampliação de vias marginais. Essa obra que compreende um trecho de 13 quilômetros da BR-101 (do Viaduto de Ponta Negra até o acesso a Pium, em Parnamirim) é uma realidade graças a luta e empenho da senadora Fátima que apresentou, enquanto deputada federal, emenda ao Plano Pluri Anual 2012/2015 garantindo os recursos para a execução dos serviços.

No caso da Reta Tabajara está sendo feita uma nova contratação devido a rescisão contratual da empresa vencedora da licitação. A obra compreende a duplicação, restauração e adequação de capacidade; construção de 10 viadutos com retornos; construção de 11,5 km de marginais; construção de cinco pontes e restauração de três já existentes; instalação de 12km de iluminação; 4km de ciclovia; 26 paradas de ônibus; reforma do posto da Polícia Rodoviária Federal e instalação duas passarelas.

O superintendente do DNIT apresentou também o andamento da obra do Viaduto do Gancho de Igapó (complexo de viadutos e túnel); duplicação da BR-304; pavimentação e melhorias da BR-110 e implantação e pavimentação da BR-437 – Estrada do Cajueiro.

Por fim, Fátima Bezerra reafirmou seu compromisso, agora no Senado, em continuar fazendo a ponte junto ao Governo Federal e nos ministérios para que tais obras de caráter estruturantes sejam executadas com maior celeridade. “É o Governo do PT, é o Governo Lula e o Governo Dilma, em parceria com o governador Robinson, investindo fortemente na infraestrutura rodoviária e mobilidade urbana do nosso Estado, apostando na melhoria da qualidade de vida das pessoas, sobretudo no potencial desenvolvimento econômico do Estado”.

Leia Mais

Opinião: Impeachment é a solução?

dilma(9)

Para onde vamos? Qual cultura adotaremos: a do ódio? Ou a da livre expressão? Quem acompanhou as manifestações de ontem não viu faixas pedindo segurança, saúde, passe livre ou educação. Quem esteve nas ruas ontem, com a bandeira do Brasil ou com a camisa da CBF, pediu o impeachment da presidente Dilma Rousseff. A democracia proporciona a livre manifestação de opinião como vimos ontem, porém em nome da democracia não podemos que imediatismo e o revanche destitua um governo que apenas está começando.

Eles sabiam? A justiça dirá se o PT e seus aliados tinham o conhecimento dos roubos feitos na Petrobras. Pelo senso comum, um esquema tão grande de desvio de dinheiro público não pode passar desapercebido pelos gabinetes e palácios de Brasília. O quadro político não é favorável para uma derrubada, “afetaria ainda mais a crise que vivemos”, segundo Fernando Henrique Cardoso (Sim, ele mesmo).

O Brasil está no rumo certo ou errado? Nosso país vive uma rota de colisão. Se não acontecer algo que acalme a nação, se a presidente não tomar medidas enérgicas e não havendo uma reforma política que mostre a força do Congresso, as terras descobertas por Cabral podem viver dias muitos tumultuados.

Dilma é a solução ou o problema? Ela pode ser a resposta para todos esses questionamentos. Sua capacidade de gerir crises deve ser testada agora. A presidente da República deve promover todos esforços a fim mostrar ao país as respostas que queremos: O que vai ser feito na Petrobras? As reformas prometidas vão sair? Quais as ações que Dilma vai tomar na economia? A hora da verdade começou…

Leia Mais