Projeto quer incentivar doação de sangue por meio de mensagens

Crédito da Foto: Eduardo Maia
A Assembleia Legislativa está discutindo uma nova forma para incentivar a doação de sangue no Rio Grande do Norte. O deputado Gustavo Fernandes (PSDB) apresentou projeto de lei que pretende fazer com que os doadores sejam imediatamente informados quando o sangue doado for utilizado. Para o parlamentar, a medida pode contribuir com o aumento no número de doações no Estado.

“O projeto tem como objetivos incentivar a doação de sangue, expressando a importância dos doadores, criar um novo canal para manter o contato com as pessoas que fazem as doações, além de informar o doador sobre a efetiva utilização de seu sangue”, argumenta Gustavo Fernandes.

No texto encaminhado pelo deputado, fica determinado que os bancos de sangue no RN fiquem responsáveis por informar diretamente aos doadores quando a doação for efetivamente utilizada para salvar uma vida. Através de SMS, mensagens por aplicativos, e-mail ou carta, os locais que coletarem o sangue farão o comunicado com o texto “Obrigado, você acabou de salvar uma vida!”.

“O sangue é extremamente importante no tratamento de vítimas de acidentes, cirurgias, pacientes com câncer e hemofílicos, além de servir para as transfusões. No entanto, os índices de doações de sangue são baixos em todo o mundo, especialmente os do tipo “O” e “B” negativo. No Brasil, 1,9% da população faz a doação regularmente e esse número precisa aumentar”, explica Gustavo Fernandes.

Na opinião do parlamentar, a proposta fará com que os próprios doadores divulguem nas redes sociais as mensagens que receberam após o sangue doado ser utilizado, incentivando outras pessoas a colaborarem a procurarem os bancos para contribuir com a causa. Ainda na proposta, fica determinado que só receberá a mensagem de confirmação o doador que mantiver seus dados cadastrados e demonstrar interesse em ser informado pelo banco de sangue.

Leia Mais

Assembleia concede título de cidadão ao Professor Benedito Vasconcelos

Crédito das Fotos:  João Gilberto
O professor cearense Benedito Vasconcelos Mendes teve sua contribuição reconhecida pela Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, que lhe concedeu título de Cidadão Norte-Rio-Grandense, em sessão solene de propositura do deputado Getúlio Rêgo (DEM). O mais novo cidadão potiguar é o idealizador do Museu do Sertão, e a sessão solene aconteceu na manhã desta quinta-feira (19).

“É preciso aplaudir e reverenciar o trabalho que ele tem feito especialmente pelo sertanejo. Sua militância nas causas de campo contribuíram para muitos dos benefícios que gozam as famílias do campo. Potiguar de fato, agora o professor Benedito também o é de direito”, explanou o deputado Getúlio Rêgo.

Militante das causas do campo, focado em políticas de desenvolvimento para o fomento da agricultura, especialmente, o professor Benedito Vasconcelos é agrônomo e professor da Universidade Federal Rural do Semi-Árido e da Universidade do Estado do RN (Uern), através das quais desenvolveu estudos e técnicas para o campo.

“Agradeço ao deputado Getúlio Rêgo por tão especial honraria, sobretudo porque, até hoje, ele só a propôs a cinco pessoas. Sinto-me honrado em estar aqui hoje”, externou o homenageado, cuja honraria passou pela lembrança do Museu do Sertão, de sua própria curadoria e que preserva os costumes e cultura camponesa.

“Não tem futuro quem não cuida de seu passado. O Museu do Sertão, para além de preservar a história, empreende a preservação do meio ambiente. Para nós, da Academia Norte-Rio-Grandense de Letras, é um prazer enorme essa distinção”, destacou o presidente da ANRL, Diógenes da Cunha Lima.

Leia Mais

Galeno comemora volta do abastecimento de água no interior do Estado

Crédito das Fotos:  João Gilberto
O religamento do sistema de abastecimento de água em pelo menos 10 cidades do Alto Oeste potiguar foi destacado, em pronunciamento feito na manhã desta quinta-feira (19) na Assembleia Legislativa, pelo deputado Galeno Torquato (PSD). O motivo, comemorou, são as chuvas que estão caindo no Rio Grande do Norte nos últimos dias.

“Depois de seis anos de severa estiagem, as chuvas têm trazido alento à população potiguar. A região Alto Oeste está tendo recarga de água em vários mananciais. Até a primeira quinzena de maio, a Caern irá religar o sistema de 10 cidades daquela região”, destacou Galeno.

De acordo com as informações apresentadas pelo parlamentar, na cidade de Francisco Dantas, o serviço deverá ser restabelecido em breve. Isso porque o açude Tesoura está transbordando e a análise da água está favorável para o retorno do abastecimento. A cidade de José da Penha também poderá ter o seu sistema religado até o final desta semana.

“Já na próxima segunda-feira, a Caern irá trabalhar no restabelecimento do sistema da cidade de Luís Gomes. O açude Lulu Pinto, que desde 2011 estava seco, de acordo com análises dos empregados da Caern, está em torno de 70%. Após a conclusão do serviço de Luís Gomes será a vez da cidade Paraná voltar a ter água nas torneiras. No dia 27 de abril, a equipe da Caern irá trabalhar na barragem de Pau dos Ferros para levar água ao município de Rafael Fernandes, que era abastecido por este manancial antes da estiagem”, elencou.

O religamento dos sistemas nas cidades de Marcelino Vieira, Almino Afonso e Tenente Ananias está previsto para o mês de maio, segundo Galeno Torquato. “Jardim do Seridó, com uma população de cerca de 13 mil habitantes, também está passando por uma avaliação dos mananciais disponíveis. A companhia relatou que está verificando a qualidade da água do Açude Zangalheras e de Passagem das Traíras. Ainda na região Seridó, a Caern informou que está trabalhando para abastecer a cidade de Cerro Corá através do Açude Pinga”, continuou.

O deputado finalizou seu pronunciamento pedindo que a população faça uso consciente da água. “Como presidente da Frente Parlamentar da Água, me dirijo aos potiguares para reforçar a importância do uso consciente da água. A estiagem dos últimos seis anos mostrou que a população é grande aliada no combate ao desperdício e responsável por cuidar deste bem que é de todos e essencial à saúde”, disse.

Leia Mais

Comissão de Administração aprova projeto que trata da atividade dos optometristas

Crédito das Fotos:  João Gilberto
A Comissão de Administração, Serviços Públicos e Trabalho aprovou em reunião realizada na tarde desta quinta-feira (19) o Projeto de Lei 163/2017, de autoria do deputado Jacó Jácome (PSD) que revoga a Lei Estadual 10.244 do ano passado, que trata da atividade no Rio Grande do Norte do profissional optometrista.
“Pela Lei anterior mais de 150 profissionais estão proibidos de exercerem o seu trabalho. Esse projeto aprovado na Comissão de Administração vai corrigir esse erro. Agora muda o entendimento com autorização para exercerem a plena atividade. Isso é o que devemos fazer: incentivar o emprego”, afirma o presidente da Comissão e autor do projeto, deputado Jacó Jácome.
Com a modificação o artigo 1º da Lei 10.244 passa a ter a seguinte redação: Fica proibido o funcionamento de estabelecimentos óticos ou similares que comercializem lentes de grau ou de contato sem prescrição Médica ou Optométrica.
Uma das justificativas do Projeto é que a Optometria é uma ciência especializada no estudo da visão e o Optometrista é o profissional graduado da área de saúde, autônomo e independente, que atua na atenção primária da saúde visual.
Participaram da reunião os deputados Hermano Morais (MDB) e Jacó Jácome. A matéria, que já foi aprovada na Comissão de Constituição, Justiça e Redação segure agora para análise na Comissão de Educação, Ciência e Tecnologia, Desenvolvimento Econômico e Social e posteriormente para o plenário da Assembleia Legislativa para a votação final.

EDUCACÃO
A Comissão de Educação remarcou para a próxima quinta-feira (26) a discussão da municipalização do ensino fundamental nas cidades de São Miguel e Doutor Severiano, no Alto Oeste, contando com representantes da Secretaria de Estado da Educação e Cultura; das Secretarias de Educação dos dois municípios e de representantes do Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública.

Leia Mais